Skip to content

O Mundo Fantástico de Rubra

17/11/2016

Como entusiasta da boa ficção, tenho me impressionado bastante com o trabalho de artistas nacionais neste campo nestes últimos tempos. Uma prova disso eu compartilhei com vocês, ao divulgar o financiamento coletivo de Mare Rosso (que conseguiu alcançar impressionantes 200% de arrecadação).

Hoje, apresento a vocês o que considero desde já uma pérola da literatura fantástica nacional: Rubra, a Guerreira Carmesim, escrito por Gaby Firmo de Freitas e publicado pela Editora Pandorga.

rubra-capa

O livro em si já impressiona, pela fenomenal arte de capa – também criada pela Gaby. Só a partir dela, já podemos esperar por um conteúdo impactante, não é mesmo?

Se você pensou dessa forma, digo que acertou em cheio. Bebendo das fontes mais clássicas da literatura fantástica (como Tolkien, por exemplo), a autora nos transporta para um mundo muito distinto do nosso, dividido pela intolerância. De um lado, os Humanos tentam tomar as rédeas do mundo com sua arrogância interminável; do outro, os Selvagens, uma raça de metamorfos, tenta resistir bravamente. Muitos destes já foram condenados à escravidão, servindo os Homens para todo tipo de finalidade…

Para libertar seus parentes puros, os Meias-Orelhas (povo resultante do cruzamento entre Homens e Selvagens) marcham de seus desertos rumo ao imponente reino de Duine, que já enfrenta seus próprios problemas, para declarar guerra. E, no meio disso tudo, está Rubra – uma Selvagem inocente, escondida da opressão comum a seu povo e com um dom que a difere dos demais…

akkikana___the_fantasy_world_of_dragons_by_kinan666-d93k7f4

Akkikana, o mundo de Rubra

É impressionante notar o trabalho da Gaby em construir este mundo, em todos os seus detalhes: costumes, religiões, costumes… tudo é descrito com riqueza ímpar, como se realmente estivéssemos visitando uma cultura realmente consolidada em nosso mundo.

Detalhes estes, inclusive, que conquistam o leitor à medida que a leitura avança: personagens cativantes, alto nível descritivo nas cenas, histórias paralelas se desenvolvendo (a jornada pessoal de Rubra, e a marcha dos Meias-Orelhas de Karesh até Duine), ilustrações de encher os olhos, mistérios a ser desvendados…enfim, Rubra – a Guerreira Carmesim é um livro para encher os olhos, e a imaginação, principalmente pra quem já se aventura neste tipo de mundo pelo RPG…

“Então, já que você falou de RPG… existe uma chance de jogar no mundo de Rubra?”

Eu imaginei que você perguntaria, meu caro leitor. E o que posso lhe dizer por ora é: aguarde, e confie. ;)

Então, se você aprecia uma boa história de fantasia medieval, não perca tempo e procure por Rubra na livraria mais próxima de você! Eu ouvi dizer que a Saraiva ainda tem alguns volumes, então é melhor correr atrás do seu antes que a ira dos dragões desperte com a sua insolência…

 

Que Luna os ilumine, e até a próxima!

Anúncios
4 Comentários leave one →
  1. 17/11/2016 21:35

    Que resenha bacana hein. Tô ansioso pro meu livro chegar logo ^^

  2. 18/11/2016 18:31

    Que massa!
    Não conhecia a autora/livro. Tem o primeiro capítulo disponível pra leitura, será?
    A Record normalmente disponibiliza isso, pra dar um gostinho.

    Curti o dragão continental também :)

    E pelo visto posso esperar mais um RPG do ciborgue, que maravilha!
    :D

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: